Aos Sacerdotes de Cristo:

 

 O ano de 2010 começou numa sexta-feira. A 1ª. Sexta-Feira do mês, que a Igreja na sua devoção ao Sagrado Coração de Jesus, guarda como se fosse a Sexta-Feira Santa da Paixão, também foi o primeiro dia do ano de 2010. Bem significativo para nós que  pudermos viver neste ano, a segunda e última metade do ANO SACERDOTAL, não é mesmo?!

Convidamos  todos os Sacerdotes  de Cristo a contemplar o Coração Transpassado de Jesus  que bate vivo na Santa Eucaristia !!!

E nós não teríamos essa graça de podermos estar com o Coração Eucarístico de Jesus se não fosse pelas mãos dos nossos  Sacerdotes !!!  

Às vezes, não nos damos conta dessa grandeza do que é ser um Sacerdote de Cristo. E ai precisamos recorrer às palavras de São João Maria Vianney  que falava sem vacilar:

– “Nem Nossa Senhora que é a Mãe de Jesus, que é a Rainha dos Santos e dos Anjos no céu,  pode  perdoar os nossos pecados, como é dado aos Sacerdotes fazê-lo  pelo Sacramento da Confissão.”

– “Nossa Senhora, em todas as suas graças e virtudes, Ela é a Bem-Aventurada de todas as gerações, não tem o poder de nos dar  a Eucaristia . Só  a pessoa do Padre  e mais ninguém.”

Falava assim, fazia essas comparações  para nos mostrar a dignidade e o grande  valor do Sacerdócio; daquele que foi chamado por Deus para ter a sua vida totalmente identificada com a  vida de Jesus.  Ter a sua vida crucificada no Cristo, no trabalho da Salvação das almas.

Infelizmente, nos dias de hoje, essa consciência esta faltando até mesmo entre muitos Sacerdotes. Por isso a nossa Mãe Igreja vai ao encontro deles, vai a socorro das suas necessidades e fraquezas  com as imensuráveis graças do Ano Sacerdotal e chama cada um a renovar a sua vida de Fidelidade com Cristo.

Podemos dizer assim, esse tempo do ANO SACERDOTAL –  agora estamos colhendo os seus frutos  – é para a Igreja e  também para cada Sacerdote um momento decisivo, um momento de escolha e de santificação. Como foi para Pedro naquela sua conversa com Jesus:

– Pedro tu me amas?!

– Sim Senhor, eu te amo.

– Pedro tu me amas?!

– Sim,  amo.

– Pedro tu me amas?!

E já entristecido com a insistência de Jesus, como se Ele não levasse sua resposta a sério, disse-lhe mais uma vez:

-Amo, Senhor.

– Então, se tu me amas, vai e apascenta as minhas ovelhas…

 Jesus,   a partir do ANO SACERDOTAL, esta fazendo o mesmo com cada um dos seus Sacerdotes do mundo inteiro; esta chamando cada  Sacerdote seu para junto do seu Coração Eucarístico; esta olhando nos olhos e na alma de cada padre e religioso  e com o seu Coração Transpassado e em chamas, por conta da sua Misericórdia Ardente,  faz essa mesma pergunta:

– Meu caro Sacerdote, você me ama?!

 E irá repeti-la muitas vezes, e quanto necessário for, procurando alcançar o coração de todos os seus Sacerdotes, sem  a exceção de nenhum.  Especialmente procurando por  aqueles que mais estiverem precisando, e mais se encontrarem distante do seu Coração Eucarístico.

Por isso, é oportuno fazer este convite aos nossos Sacerdotes, para contemplarem o CORAÇÃO EUCARÍSTICO DE JESUS e se deixarem apaixonar por este Coração Transpassado. E que  possam escutar  Jesus lhes perguntando a cada Santa Missa:

– Tu me amas?!

E possam dar a sua resposta. Uma resposta sustentada pela graça, pelo sobrenatural e o extraordinário.  E que possa sobrepujar o humano e a miséria de cada um. É o que esperamos ver dos frutos e das graças do ANO SACERDOTAL.

 

<< ONDE EXISTE A ABUNDÂNCIA DO PECADO, NÓS ESPERAMOS PELA SUPERABUNDÂNCIA DA GRAÇA DE DEUS > >

A  Nossa Oração:

<< Senhor Jesus,  pedimos hoje, que a superabundância da Graça de Deus Pai, venha alcançar o coração daquele Sacerdote que mais estiver em perigo e possa estar   colocando a tua Igreja em perigo. Pedimos por todo Sacerdote,  que  ao invés de viver a sua santidade e estar trabalhando pela santificação das pessoas, possa  se encontrar num momento de contra testemunho  de vida; vivendo, inclusive, fora da Verdade do Evangelho de Cristo e fora da Verdade do Magistério da nossa Mãe  Igreja, ofendendo assim, ainda mais o teu Coração Transpassado.

Que estes Sacerdotes que hoje estão vulneráveis às insídias de Satanás, possam encontrar refúgio no teu Coração Eucarístico. Reconhecemos que o ANO SACERDOTAL É UM TEMPO ESPECIAL DE GRAÇAS PARA A VIDA DA TUA IGREJA E INVOCAMOS AS RIQUEZAS DESTAS GRAÇAS SOBRE CADA UM DOS TEUS SACERDOTES. AMÉM!  >>

Ernesto Peres de Mendonça – Comunidade Família de Deus

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: