Uma invocação especial a São José, Padroeiro da Igreja.

 

 << Em tempos difíceis para a Igreja, o Papa Pio IX, desejando confiá-la à especial proteção do Santo Patriarca José, declarou-o “Patrono da Igreja Católica”. Esse Sumo Pontífice sabia que não estava levando a efeito um gesto peregrino, porque, em virtude da excelsa dignidade concedida por Deus a este seu servo fidelíssimo, a Igreja, depois da Virgem Santíssima, esposa dele, teve sempre em grande honra e cumulou de louvores o Bem-aventurado José e, no meio das angústias, de preferência foi a ele que recorreu”. Quais são os motivos de tão grande confiança? O Papa Leão XIII expõe-nos assim: “As razões pelas quais o Bem-aventurado José, deve ser considerado especial Patrono da Igreja, e a Igreja, por sua vez, deve esperar muitíssimo da sua proteção e do seu patrocínio, provêm principalmente do fato de ele ser esposo de Maria e pai adotivo de Jesus. José foi a seu tempo legítimo e natural guardião, chefe e defensor da divina Família. É algo conveniente e sumamente digno para o Bem-aventurado José, portanto, que, de modo análogo àquele com que outrora costumava socorrer santamente, em todo e qualquer acontecimento, a Família de Nazaré, também agora cubra com seu celeste patrocínio a Igreja de Cristo.” >>

(Papa João Paulo II)

 A NOSSA ORAÇÃO ESPECIAL NO DIA DE HOJE:

 < Assim, queremos hoje, de um modo especialíssimo, invocar a proteção de São José para todos os Sacerdotes. Principalmente para aqueles que estiverem em perigo. E, desse modo, estiverem colocando  a Igreja de Jesus Cristo também em perigo.

Apresentamos todos os Padres que possam estar vivendo em desvio de conduta moral, ética e cristã e estejam “escondidos dentro das Igrejas”, “protegidos no silêncio permissivo  de suas Dioceses”. E promovendo assim,  um grande malefício  para o Corpo de Cristo e  o anúncio do Reino.

Colocamos aqui essas “vidas duplas de décadas” como estamos vendo acontecer em tantos lugares do mundo: Irlanda, Alemanha, Estados Unidos. E tantos outros que ainda não foram descobertos.

Que São José venha socorrer a Igreja do seu Filho Jesus – da qual é seu Padroeiro – destes ataques violentos vindos de dentro dela mesmo, pelos  seus próprios pastores.

Entregamos a São José – Esposo castíssimo de Maria – todos aqueles Sacerdotes que dão mal testemunho com as suas vidas e que estão envolvidos em escândalos de homossexualismo,  de pedofilia e  de fornicação. Pedimos pela conversão e santidade de cada um deles. Pedimos pelo testemunho do Amor e da Verdade de todos aqueles que receberam e querem viver  o Sacramento da Ordem. E que se for para manterem uma vida promíscua e de duplicidade que saiam da Igreja de Cristo, sejam retirados pelas suas autoridades.

E pedimos, por fim,  pela santificação das nossas Dioceses. Pedimos por  uma ajuda especial de São José para os nossos Bispos, para que aumentem neles o zelo na formação e no cuidado dos seus Sacerdotes. E que cada Bispo possa se tornar  para os seus padres,  aquele pai   que São José mesmo pode ser para  Jesus.  Amém!  >

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: